Featured Posts

Topo
24 maio 2023

Revender Roupas: 5 dicas para você aumentar sua renda

Mulher em sua loja de revenda de roupas

Revender Roupas: 5 dicas para você aumentar sua renda

Revender roupas é uma excelente maneira de aumentar sua renda e se envolver no mundo da moda. Seja como uma renda complementar ou uma atividade em tempo integral, a revenda de roupas oferece inúmeras oportunidades de lucro e crescimento. No entanto, como em qualquer empreendimento, é essencial ter estratégias eficazes para alcançar o sucesso.

Continue acompanhando o texto para entender os 5 passos necessários para se tornar um revendedor de roupas de sucesso.

Você também pode se interessar: Como vender roupas pela internet

O que é preciso para ser revendedor de roupas?

Para ser um revendedor, é necessário comprar as peças em uma distribuidora ou em uma fábrica de confiança. Comprando em atacado as peças saem por um valor bem mais acessível, isso irá permitir que você consiga aumentar sua receita.

Uma vendedora mostrando roupa plus size para uma cliente

Para saber como lucrar revendendo roupas é necessário se preparar para o mercado e entender sobre:

  • Público-alvo;
  • Concorrência;
  • Tendências da moda.

Isso permite que você entenda sobre o ramo e possa atender seus clientes com autoridade e excelência, se destacando em relação à concorrência.

1. Escolher o tipo de roupa

Ao iniciar um negócio de revenda de roupas, uma das primeiras decisões importantes é escolher o tipo de roupa que você vai oferecer aos seus clientes. Essa escolha estratégica pode impactar diretamente o seu sucesso como revendedor.

Mulher em uma loja escolhendo qual roupa comprar

Primeiro, é importante conhecer o seu público-alvo. Faça uma pesquisa de mercado e identifique as preferências e necessidades dos seus potenciais clientes. Considere fatores como faixa etária, estilo de vida, ocasiões de uso e tendências de moda.

Além disso, leve em conta a sua própria paixão e conhecimento sobre determinado segmento de roupa. Revender roupas em que você tenha interesse e familiaridade permitirá que você transmita confiança aos clientes e ofereça um atendimento mais qualificado.

Considere também a sazonalidade das roupas. Algumas peças têm maior procura em determinadas estações do ano, como roupas de banho no verão ou casacos de inverno. Planeje seu estoque de acordo com as tendências sazonais para maximizar suas vendas.

2. Procure fornecedores

Para trabalhar como revendedor ou revendedora de roupas é necessário comprar de fornecedores confiáveis. Muitas vezes essa tarefa necessita de bastante pesquisa de mercado, mas encontrar um fornecedor com produtos de qualidade e preços bons.

Procure por distribuidoras, fábricas na sua região e compras internet. Pesquise e compare os preços e a qualidade dos materiais. Isso pode levar tempo e alguns testes, mas é uma fase crucial para que você consiga se manter sólido no mercado.

Mulher com um catálogo de roupas para mostrar para os clientes

Uma má escolha de fornecedor pode te dar bastante dor de cabeça, então fique esperto.

Bons fornecedores apresentam os seguintes critérios:

  1. Preço bom;
  2. Tecidos de qualidade;
  3. Opções de pagamento;
  4. Atendimento de qualidade.

3. Defina a margem de lucro das roupas

Definir a margem de lucro das roupas é uma etapa crucial ao revender produtos. Essa margem é a diferença entre o custo de aquisição das peças e o preço de venda.

Nessa etapa, você vai definir a margem de lucro dos produtos. É importante que sua margem seja de no mínimo 50% (para outras lojas) e 100% (para varejo em geral), podendo variar conforme os gatos.

Mulher planejando a margem de lucro da sua loja de roupa plus size

Para determinar uma margem de lucro adequada, é importante considerar fatores como os custos operacionais, despesas adicionais (como embalagens e frete) e a competitividade do mercado.

Para você que tem um plano de abrir um ponto comercial, confira: Quanto gasta para abrir uma loja de roupas pequena?

4. Divulgue seus produtos

O planejamento de estratégias para divulgação é importante para fazer seus produtos chegarem ao mercado. Uma opção é utilizar as redes sociais, como o Instagram e o Facebook, para criar perfis comerciais e compartilhar fotos atraentes dos seus produtos.

Utilize hashtags relevantes e interaja com seu público para gerar engajamento. Faça stories criativos para o Instagram e Facebook, faça parcerias e publique em grupos de vendas: há muitas possibilidades.

Mulher divulgando os seus produtos

Outra excelente ideia dentro das redes sociais é o uso de anúncio pago: você aplica dinheiro e alavanca suas postagens para chegar a mais pessoas. Quando usada de forma estratégica, pode trazer inúmeros benefícios, como aumentar a visibilidade da sua página, te ajudar a conhecer seu público alvo, prospectar novos clientes, etc.

5. Faça a legalização do seu negócio

Ao legalizar o negócio, você estará cumprindo com as obrigações legais e terá uma base sólida para operar e expandir suas atividades comerciais. Existem algumas etapas essenciais para legalizar o seu negócio de revenda de roupas. A primeira delas é registrar a sua empresa.

Isso envolve escolher a forma jurídica adequada, como MEI (Microempreendedor Individual), EIRELI (Empresa Individual de Responsabilidade Limitada) ou Sociedade Limitada, e realizar a abertura do CNPJ.

Mulher analisando o documento de legalização da sua loja

A forma mais fácil de adquirir seu CNPJ é através do Micro Empreendedor Individual (MEI), indicado para revendedores pequenos, com faturamento de até R $81.000,00 por ano.

Bônus: Formas de pagamento

As máquinas de cartão de crédito são importantes, pois abrem um leque de oportunidades de pagamento sendo eles: cartão de crédito à vista e parcelado e a função débito. Escolher uma máquina de cartão pode ser uma tarefa um pouco difícil, afinal, tantas taxas, prazos e condições diferentes podem te fazer ficar confuso.

Mulher com cartão e máquina de cartão para pagar uma roupa

Para escolher uma máquina de cartão que melhor te atende, utilize os seguintes critérios:

  1. Compare o valor da mensalidade e taxas;
  2. Confira as bandeiras aceitas;
  3. Condições de pagamento;
  4. Prazos.

Além de todas essas formas de pagamento, o PIX também é uma ótima aposta!

Seguindo essas 5 dicas valiosas, você estará preparado para embarcar na jornada de ser um revendedor de roupas de sucesso. Lembre-se de manter o foco, a perseverança e a paixão pelo que faz. Com dedicação e esforço, você pode alcançar seus objetivos e conquistar uma carreira lucrativa no mundo da moda.

Veja também: Como montar uma loja de roupas femininas com pouco dinheiro.

 

Nenhum comentário

Deixe uma resposta